segunda-feira, 30 de setembro de 2013

Querendo-te...

"Morde-me com o querer-me que tens nos olhos
Despe-te em sonho ante o sonhares-me vendo-te,
Dá-te vária, dá sonhos de ti própria aos molhos
Ao teu pensar-me querendo-te…...

Desfolha sonhos teus de dando-te variamente,
Ó perversa, sobre o êxtase da atenção
Que tu em sonhos dás-me… E o teu sonho de mim é quente
No teu olhar absorto ou em abstracção…

Possue-me-te, seja eu em ti meu spasmo e um rocio
De voluptuosos eus na tua coroa de rainha…
Meu amor será o sair de mim do teu ócio
E eu nunca serei teu, ó apenas-minha?"
 
Fernando Pessoa

4 comentários:

Freyja Pt disse...

Pessoa é assim uma daquelas coisas que eu amo, amo de paixão...este poema está assim para o maravillhoso....principalmente os dois primeiros versos...

Bom vir aqui e eler Fernando Pessoa !

Beijo* e boa semana !

Moonlight disse...

Gosto muito :)

Beijinhos*

Algures disse...

Freyja,

Gostaste?! Ainda bem... Pessoa, é Pessoa. Pouco há a dizer sobre ele.
Quanto a este poema, concordo contigo. A forma como as palavras se conjugam e transmitem a mensagem é sublime.

Beijo* e uma boa semana também para ti! :-)

Algures disse...

Moonlight,

Lindo não é?! Também gosto... :-)

Beijinho* e boa semana!