sexta-feira, 27 de setembro de 2013

E não é que é verdade?!

"Todos nós temos uma insuspeita reserva de força que emerge quando a vida nos põe à prova".
Isabel Allende

14 comentários:

Suricate disse...

Amigo como e onde procuro as minhas reservas...estou a precisar urgentemente de enquantrar forças extra!!!!
Já falta muito pouco para a água me cobrir a cabeça...

jinhosssss

Algures disse...

Suricate,

Bebe um cafézinho para começar e, espero que não estejas a passar pelas provas a que se refere a frase! Coragem, força e...

Beijinhossssssssss enérgicos!

PS: está a chover assim tanto?! :D

Alexandra disse...

"Living your life the way you want to live it is the most important thing, so if you have to pay small prices along the way, it's not important."

A força de um ser humano está nisto mesmo, viver a vida segundo aquilo em que acredita e nunca desrespeitar-se ou desrespeitar os seus valores e ideais!

Algures disse...

Alexandra,

A força do ser humano às vezes surge de onde menos se espera ou inspirada em alguém ou pequenas coisas. Por vezes, poderá ter de desrespeitar valores e ideais. Há quem faça coisas que vão contra os seus princípios. Isso é revelador de uma força, a "tal" de que aqui também se fala...

:-)

Ann disse...

É o que nos safa... somos mais fortes do que aquilo que pensamos :)
Beijinho

Algures disse...

Ann,

Sem dúvida. Acho que todos nós já tivemos momentos em que julgamos não ter força para os superar e, lá conseguimos ir buscar forças não sei onde, para os superar... Sim, somos mais fortes do que pensamos... :-)

Beijinho*

Alexandra disse...

"A força do ser humano às vezes surge de onde menos se espera ou inspirada em alguém ou pequenas coisas. Por vezes, poderá ter de desrespeitar valores e ideais." 

Mal sabes tu o quanto eu já desrespeitei e o quanto, provavelmente, já inspirei! Nesta parte do inspirar não contabilizo, nem interessa contabilizar. Posso até arder, mas quando o lume passa, eis que surjo das cinzas ;) 

Freyja Pt disse...

Onde anda essa reserva hoje ?!??!

Bolas, já a procurei por toda a parte...(deve ser do soinho nos olhinhos que não a encontro...)

kiss**

Algures disse...

Alexandra,

Como vês, estás a dar-me razão, e a tua frase final confirma-o... e eu dou-te razão quando dizes que não sei o quanto desrespeitaste (...).

Beijinhos*

Algures disse...

Freyja,

A "reserva" que aqui se fala é para coisas mais substanciais. Esperemos que não precises dela... seria bom sinal!
Sol nos olhos?! Aqui pelos meus lados não está sol... Sortuda!

Kiss**

Moonlight disse...

É muito verdades ....

Quando pensas que já não tens força para te levantar, não é que vem mais uma.
Mas, no final só posso dizer que "nós" temos uma capacidade extraordinária para ultrapassar os obstáculos da vida, mas tudo deixa as suas marcas :)

Algures disse...

Moonlight,

É sim... vamos buscar essas forças à tal reserva, que se encontra algures, sendo certo que às vezes parece que surge não sabemos bem de onde. Sim, deixa marcas, quer no campo negativo (pelo desgaste e pressão constante), quer no positivo (pela crença que nos dá e por conseguirmos superar o problema)...

Beijinho :-)

bailarina disse...

A vida provou-me que isso é demasiado verdade! As cicatrizes não se vêem a olho nú... mas estão cá dentro! Apenas um pessoa as compreendeu, o resto achou que a culpa é minha por me meter em coisas que deram para o torto... E todas as pessoas só as sabe de alto, nunca vive as nossas quedas, como nós não vivemos as quedas de alguém! Não desejo as minhas vivências a ninguém, mas viveria tudo novamente! Não seria a pessoa que sou hoje se assim não fosse!

Já pensei ser uma fénix, que renasce das cinzas. Mas no fundo, sou simplesmente uma pessoa, que vive e nunca renasceu! Nasceu, vive, já lutou e irá lutar com uma força quase desumana sempre que a coisa complique.

Sei disso! Ah como sei disso...

Kiss, Kiss agora que parou de chover

Algures disse...

Bailarina,

Se há pessoa que sabe melhor o que se passa na nossa vida, somos nós próprios. Muitos podem opinar e criticar, mas somos nós quem tem a maior informação (e a melhor!) acerca de como orientar a nossa vida. Se temos dúvidas, aconselhamo-nos, mas só numa de aumentar a nossa informação por forma a tomarmos a melhor decisão (a que nos parece melhor naquela altura).
Também já passei por algumas situações que não desejo a ninguém, mas cá estou eu, arranjei forças onde não sabia que as tinha, outras vezes, talvez tenha tido a ajuda do meu "mais velho", que algures onde apenas ele sabe, me deu o empurrão necessário para seguir em frente.
Nunca deixes de lutar, porque apesar de tudo, não deixas de ser uma fénix, ainda que se mova em pontas, não é Bailarina?! :-)

Ambos sabemos, believe me...

Kiss kiss, com chuva, mas cheiro a terra molhada...