terça-feira, 30 de agosto de 2011

Frase do dia...

"Quando eu ouço alguém suspirar, "A vida é dura", eu sempre sou tentado a perguntar, "Comparado a que?"
Sydney J. Harris

domingo, 28 de agosto de 2011

Seal - Secret

Porque há músicas que nos tocam Algures na alma...

Seal - Secret
You must know me
I'm one of your secrets
You must know me
I'm one of your secrets
I belong to you
I belong to you
And you belong to me

You must know me
I'm one of your secrets
From what I see
You're trying hard to keep it
Oh yes you are

Well I belong to you
I belong to you
I belong to you
And you belong to me

Look at me
I'm your heart's keeper
Met for 3:21 AM
She will be here
Oh yes she will

And I belong to you
Yes I belong to you
I belong to you
And you belong to me

Look at me
I'm one of your secrets
From what I see
You're trying hard to keep it
Oh yeah

But I belong to you
I belong to you
I belong to you
And you belong to me
You belong to me
You belong to me

sábado, 27 de agosto de 2011

A impotência de não poder ajudar...

Tenho a ideia que já o disse Algures, mas se há coisa que detesto é sentir-me impotente para ajudar aqueles de quem eu gosto, mais ainda quando se trata daqueles que gosto muito e que têm um significado especial para mim...

sexta-feira, 26 de agosto de 2011

James@Festas do Mar - Cascais 19-08-2011

Se há noites especiais e perfeitas, esta foi uma. É sempre bom ter de volta uma banda de coração, daquelas com que nos identificamos a 100%... Vejam este "Sometimes" e este "Laid" e digam lá que a empatia entre o público e os James não é algo de fantástico. O Tim Booth esteve eléctrico e só podia mesmo sorrir com calorosa recepção. Eu sorri e sorrio, ainda para mais quando sinto que faço parte do espectáculo, e fiz.. mais não posso dizer... Sem palavras!

"Obrigade" Tim Booth, "Obrigade" James!

Sintonias...

Há coisas que não se explicam, acontecem...São Sintonias, Sintonias que surgem madrugada dentro...  Sintonias.
Alguém que as entenda... as Sintonias... alguém superior... porque quando menos se espera, surgem com enorme fulgor...
Sintonias...

Menos com menos nem sempre é mais...

Uma semana depois, em 30 minutos...Inesperado o esperado...
Tudo bem se calhar não...
Se calhar não, se calhar não...
Faz rir quem ninguém o conseguiu fazer...
O dia era de tudo menos de sorrisos...
No entanto risos, plural...
Segundos nos minutos...
Uma semana antes, os minutos de sucesso...
Todos sabem, um desconhece...
O vice-versa de insucesso...
Fala-se e escuta-se...
Menos com menos nem sempre é mais...
Algo já vivido, recordado...
A distância tem a sua importância...
Prisão e liberdade, queremos estar onde há vontade...
Os defeitos que quando se gosta são perfeitos...
O ambiente de euforia, a despedida, a caminhada, os sons rasgados na noite...
No muro da segurança, a insegurança e as solidões...
Os valores que de um lado não se vêem, do outro se reconhecem...
São os muros que se conhecem...
Que se erguem e se quebram...
Nada mais, nada menos...
Que o beijo e a noite descansada...
E na noite o silêncio impera...
Com ela a solidão...
Não é sexo, não é atracção, é ir onde nos leva o coração...
Que embora tentado, se encontra fechado e magoado...
À espera de ser encontrado...
À espera de ser encantado...
Menos... Menos...
Mais...

PS: Ao som de James - "Out To Get You"

quinta-feira, 25 de agosto de 2011

Saudades...

Saudades... Saudades tuas. Muitas...E o pior, é que não há remédio, nem mesmo um genérico que se possa aplicar...

terça-feira, 23 de agosto de 2011

DAMM!!!

Estive afastado assim tanto tempo que agora nem fazer comments consigo?! Nem aqui nem em blogue nenhum! Não é identificado o meu perfil de blogger... DAMM!!!

quinta-feira, 18 de agosto de 2011

quarta-feira, 17 de agosto de 2011

Regressei...

Regressei... 5 meses e 10 dias depois, estou de volta.

Não espero grandes ovações, assim como não espero que me apontem o dedo ou me exijam um pedido de desculpa. Acho que o devo fazer, nomeadamente àqueles que escreveram e não tiveram resposta, mas não só. Desculpem.
Foram 1001 os motivos para ir para Algures Onde Apenas Eu Sei... e na verdade, não sei se será a altura exacta para regressar, pois ainda pendem sobre mim muitos dos motivos que me levaram a ausentar-me, no entanto, cá estou eu a escrever mais umas linhas da minha vida Algures...
Primeiras impressões: apesar da ausência o blogue continuou a ter visitas, nomeadamente de quem pretendia saber o significado da expressão "Quid Juris". A minha ausência da blogoesfera foi total, pelo que terei muito a ler algures pelos blogues de alguns que aqui me acompanham e de outros pelos quais tenho igual prazerem em os ler, pela sua escrita cativante ou simplesmente por me fazerem sorrir...

Mais velho, espero não ter perdido a vontade de escrever. Sim, a vontade, porque o jeito para o fazer é outra coisa...

Beijinhos às senhoras... Abraços aos senhores...