terça-feira, 24 de setembro de 2013

Não gosto...

Não gosto...

Não gosto de ver alguém triste...

Não gosto de ver alguém sofrer...
Não gosto de não saber o que fazer...
Não gosto de me sentir impotente para ajudar...
Não gosto...

No meio disto tudo, gosto de saber que apesar das agruras da vida e dos 1001 defeitos que tenho, neste ser imperfeito que sou, não perdi este sentimento de compaixão...



18 comentários:

Freyja Pt disse...

Também quem o perde não merece ter amigos...

Bom dia!
Beijo*

LÍRIO SELVAGEM disse...

A tristeza faz parte da vida, do crescimento como ser humano, quem nunca ficou triste não sabe dar valor à alegria.

Bom dia e beijinhos

ps: às vezes sem darmos conta estamos a ajudar... sabias? :)

Suricate disse...

Só nutre esses sentimentos quem tem na sua essência o "gene" de ser humano bom:)

Bom dia:)
jinhosssss

Moonlight disse...

Nem sempre podemos ajudar a tirar a tristeza de alguém, mas podemos sempre dar a mão, um sorriso, uma presença que tantas vezes tanta falta faz :)

Beijinhos*

Algures disse...

Freyja,

As pessoas cada vez mais estão mais frias. Cada vez mais olham para o lado. Cada vez mais são egoístas. Cada vez mais olham para elas próprias e, às vezes acabam por se furtar ao "confronto". Tento não julgar, mas essas pessoas acabam por ter a sua "pena" em determinada altura da vida.

Tem um bom dia! :-)

Beijo*

Algures disse...

Lírio,

Diz-se que temos de passar pela tristeza para saber dar valor à alegria... bem verdade o que dizes ou, como diz uma música dos James, "If I hadn't seen such riches i could live with being poor". E é mesmo isso...
Sim, às vezes com tão pouco, damos tanto... :-)

Beijinhos e um bom dia Flor!

Algures disse...

Suricate,

Não devemos ser nós a salientar as nossas qualidades, mas vejo-me como um ser humano bom. Felizmente passaram-me princípios e valores e os meus genes também não me atraiçoaram nesse campo.
Sempre uma simpatia... :-)

Beijinhosssssssssss*

Algures disse...

Moonlight,

Sem dúvida. Às vezes basta um gesto desses para fazermos toda a diferença na vida de alguém. E todos sabemos o valor que um abraço ou um sorriso têm para nós quando estamos menos bem... certo?! :-)

Beijinhos*

Freyja Pt disse...

Mas depois há as outras pessoas...aquelas que fazem a diferença...e sinceramente essas é que contam.

;)

Resto de uma boa tarde
Beijo*

araparigasimples disse...

este tipo de sentimentos, são difíceis de encontrar hoje em dia.
vivemos cada vez mais virados para nós próprios, esquecemos o outro e por isso acredito que também somos mais infelizes.
nunca imaginei, que não o tivesses:)
beijinho

Algures disse...

Freyja,

Pessoas que fazem a diferença são aquelas que valem acima de tudo. Tens toda a razão! :-)
Um resto de uma boa tarde também para ti!

Beijo*

Algures disse...

Araparigasimples,

Felizmente ainda existem, embora tal como dizes, vão desaparecendo, um pouco como muitas outras coisas que consideramos boas (amor, amizade, princípios, educação, etc etc.). Cada vez mais as pessoas estão mais egoístas...
Obrigado por acreditares em mim! :-)

Beijinho*

bailarina disse...

Estou 100% de acordo contigo... e digo-te mais, neste momento dava tanto para estar a fazer aquilo que gosto! Ajudar aqui e ali... uma cruz no peito, na alma e na vida; fardada se fosse possível; passar 12 ou mais horas onde aquilo que me é pago entra para um mealheiro que guardo entre o coração e a memória. Faz-me ter um sorriso grande, um abraço que tanta vez dou, um brilho enorme nos olhos e por vezes uma lágrima que teimo em não deixar cair.

E acho que encontraria um caminho ou ganharia coragem para seguir aquele que está ali...

Beijinhos

Algures disse...

Bailarina,

Tão bonito o que escreveste! Isso dá um post tão bonito... tens um coração enorme e que bom é haver pessoas assim. Só quem dá, consegue saber aquilo que obtêm, reflectindo-se sob a forma de um sorriso, mas que é bem maior que isso... :-)
Só não percebi quem é aquele que está ali...

Beijinho*

bailarina disse...

Não tenho nada... O meu coração é igual a todas as pessoas. Apenas ganhei coragem de algum tempo para cá e contra muita gente sou Recruta da Cruz Vermelha Portuguesa. Algo que muito me orgulha e sempre fez parte daquilo que sou.

Ninguém está ali algures... muitas vezes parece que o caminho que devo seguir está ali, mesmo à minha frente. Por medo, por não querer largar o que tenho ou tive, não dou aquele passo em frente. Não sigo esse caminho que por breves segundos parece ser válido.

Beijinhos em alerta amarelo ;)

Algures disse...

Bailarina,

Tens pois! Tu não me contraries...
Há pessoas que marcam pela diferença e esse teu gesto de disponibilizares o teu tempo, cabeça e tudo o mais por essa causa, merece a maior vénia. Bem sei que o fazes de forma altruísta, sem pedir nada em troca, mas deve orgulhar-te a ti e a quem te conhece! :-)

Percebi... os caminhos estão sempre à nossa frente, mas a verdade é que temos a liberdade de os seguir ou não. Ainda assim, se não deste esse passo, é porque não te sentes preparada para tal, pelo que, vai seguindo o caminho em que te sentes melhor...

Reparei que o tempo está agreste, mas nunca recebi um beijinho em alerta amarelo... é bom! Eheheh :-)

Beijinho*

Ann disse...

Não chores mais.... eu perdoo-te, sim? ahahaha
Like! :)

Algures disse...

Ann,

Não te tinha assim. Não gosto...que só me tenhas perdoado agora!
Ainda bem que gostas, é assim que sinto as coisas...

Beijinho*