quinta-feira, 31 de dezembro de 2009

Castração...


Existirá algo mais castrador que a palavra "amigo" proferida em certos contextos*? Ou será que sou só eu a pensar assim?!...
...*Ou quando somos chamados assim por certas pessoas...

8 comentários:

Anónimo disse...

Pode ser terrivelmente arrasador. Mas uma boa amizade vale o que vale.

Cemremos

A. disse...

se o amigo for seguido da palavra "especial"...torna tudo melhor. (ou então isto sou só eu a convencer-me disso!) :)

Everybody´s Changing disse...

Exactamente... É verdade o que dizes, mas apetecia-me escrever algo que vai contra isso, porque é o que sinto neste momento... Insanidades ou lapsos momentâneos de racionalidade...

Everybody´s Changing disse...

Não. Não é... Gosto de coisas simples e a palavra "amigo" pura e simples por si só é especial se sentida. Na forma que o dizes, torna tudo melhor se houver um "se".... uma continuidade demonstrada por gestos e afectos... Será que me faço entender?

Mona Lisa disse...

Depende sempre dos teus sentimentos pela pessoa. Caso sintas algo mais do que simples amizade, ser tratado como amigo pode de facto ser completamente castrador. Até porque nestes casos nem sequer consegues olhar para a pessoa como sendo apenas tua amiga, certo? Portanto não há nem amor, nem amizade. É um meio termo terrível. Não recomendo.beijo

Everybody´s Changing disse...

Nesses casos acho que olhamos para a pessoa como sendo amiga, mas uma amiga muito especial... É também por isso que acho uma amizade especial pode levar a um grande amor.. Assim sendo e discordando parcialmente contigo, acho que existe o tal amor e a tal amizade, sendo que os mesmos levam ao tal meio termo terrível em que ninguém quer estar metido... Beijo
O "amigo" muitas vezes é usado como um limite. Como uma linha que não deve ser pisada sob pena de ser aplicada uma sanção acessória a essa amizade...

Mona Lisa disse...

Estás a complicar desnecessariamente. Há o amigo e há o homem/mulher por quem sentimos algo mais do que amizade. "Amigas" especiais e afins...tudo isto é conversa:)

Everybody´s Changing disse...

Talvez estejamos a chamar nomes diferentes às mesmas coisas... Como acima referi numa resposta, o facto de ser especial vai-se repercutir necessariamente em gestos e afectos... Sim há os (simples) amigos e há aqueles por quem sentimos algo mais que a amizade, algo... especial!